Slide

Minha experiência de compras em Barcelona



Postado por Amanda Leal
Olá meninas, vamos falar hoje sobre a minha experiência com compras em Barcelona bem recente, pois fui agora em Setembro 2015 (com o euro passando dos R$4 e fora da época de liquidações, as chamadas rebajas).
De maneira geral, se quiser achar alguma oferta interessante, saia um pouco da rota turística e dê chances para as lojinhas locais, você poderá se surpreender. Mas, se quiser manter o caminho turístico, seguem minhas impressões das lojas mais badaladas:
Zara -  loja de marca espanhola poderia ser comparada com nossas lojas de rede aqui do Brasil, exceto que sua qualidade e preços são muito melhores. Visitei a unidade do Passeig de Gràcia e do shopping L'illa Diagonal. Sinceramente, eu gostei muito mais da unidade do shopping por dois motivos: ser mais organizada e menos apinhada de pessoas (turistas).
La é possível encontrar promoções com tees básicas por preços que vão de $3 à $12, malhinhas, tricôs e saias por $15, vestidos e casacos por $30, mas também achamos peças mais salgadinhas ao bolso. Vai mesmo do seu intuito de compra. Mas vale muito à pena pela qualidade das peças e o passeio em si.
 Encontre todos os endereços aqui.
Logo (Google imagens)
H&M- loja de departamentos sueca, muito conhecida por seus preços modestos. Novamente, preferi a unidade do shopping, desta vez o Maremagnum, que tinha peças diferentes das que encontrei nas unidades de rua e também com mais promoções.  Independente disso, os preços em toda a rede são superacessíveis, com blusinhas indo de $2 à $5 em saias, vestidos, calças, acessórios, etc.
Encontre todos os endereços aqui.
Logo (Google imagens)
Bershka – loja de estilo jovem e colorido, mas, particularmente, só achei os preços das tees interessantes, os demais itens de vestuário, ou estavam com preços menos convidativos, ou não achei a qualidade (ou o estilo) das peças tão boa. Se garimpar bem, pode sair com uns achadinhos.
Encontre todos os endereços aqui.

Logo (Google imagens)
Stradivarius – outra loja com estilo jovem com tendências boho, mas cujos preços e estilo não me agradaram muito. Outro exemplo de que, se garimpar bem as araras, pode encontrar alguma peça básica legal e com preços bons.
Encontre todos os endereços aqui.
Logo (Google imagens)
Blanco – segue também a linha jovem e com bastante cores, mas cujos preços são mais salgadinhos e a invasão de cores acabou não me agradando. Garimpando sempre se acha alguma coisa, porém, se for do seu gosto às vezes vale pagar o preço também.
Encontre todos os endereços aqui.
Logo (Google imagens)

Mango – uma rede de lojas com peças que vão do estilo jovem ao mais clássico com preços “ok” e qualidade boa. Curti os estilos das peças básicas, tricôs e malhas e os preços não estavam tão assustadores. Minha dica é procure pelo Outlet da marca, onde se encontra peças com descontos muito bons: Carrer Girona, 37; Carrer Tamarit, 129; Centro Comercial Heron City. Avenida Río de Janeiro, 42.
Encontre todos os endereços aqui.
Logo (Google imagens)

Lefties – uma ponta de estoque de peças da  Zara e algumas outras marcas. Não curti muito por estar muito muvucada, mas os preços são realmente baixos, então com paciência belos achados são encontrados.
Confira todos os endereços aqui.
Logo (Google imagens)


Primark – a visita que mais me rendeu na viagem. Encontrei itens de vestuário, pijamas, roupa íntima, acessórios, sapatos, maquiagem, etc. Os preços são fantásticos (muito baixos). Vale a pena ir dar uma olhada, pois vai sair carregada de itens, sem chegar à $100.   
Encontre todos os endereços aqui.

Logo (Google imagens)

Logo (Google imagens)

Desigual e Custo - são marcas originárias de Barcelona com desenhos criativos e coloridos.  O estilo não me agradou muito, e os preços também são bem mais altos dos que de outras lojas e marcas. Fica apenas a indicação de quem se interessar e gostar a linha descontraída que as duas seguem.
Encontre todos os endereços:  Desigual e Custo.

Logo (Google imagens)
El Corte Inglés - uma das maiores lojas de departamento (origem portuguesa) que esbanja grandiosidade, mas, infelizmente, não é o melhor custo-benefício. Com marcas famosas em estandes espalhados pelos seus andares, não apresenta preços tão convidativos. Vale a pena para cosméticos, mas mesmo assim, aconselho a andar pelas “perfumarias” espalhadas pela cidade e shoppings, você pode encontrar boas promoções.
Encontre todos os endereços aqui.

Resumindo minha experiência em algumas dicas:

As melhores ruas para roupas boas e baratas: Pelai e Portal del Angel.
As regiões para lojinhas originais e brechós: Carrer Avinyó (bairro Gótico), bairro de Gràcia, bairro do Born.
Os shoppings: Maremagnum e L'illa Diagonal

Alta Moda - se o seu problema não for restrição de $$ confira o  Passeig de Grácia e a Avenigua Diagonal, estão no pedaço mais chique e caro de Barcelona com lojas da  Louis Vuitton, Channel, Gucci, Prada, Versace, Burberry, Armani, entre outras. Você encontrará também várias grifes americanas, mas os preços são bem diferentes das norte-americanas.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Deixe seu comentário, e obrigada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...