Slide

Diário dorama: série Reply 1997, Reply 1994 e Reply 1988

O diário dorama desta vez traz uma série que eu simplesmente AMO e recomendo para todo mundo que quer começar no mundo dos doramas pelo Netflix (ainda disponível no catálogo). Atualmente só há as duas primeiras temporadas o Reply 1997 e o Reply 1994 -sim, é em ordem decrescente.

O Reply 1988 não está disponível nem na Viki, mas quem quiser pode encontrar no fansub Kingdom, ok? Vou contar um pouco de cada temporada para deixar vocês com vontade, lembrando que elas não têm nenhuma ligação entre si, mas não dá para ver separado, porque a 1994 dá spoiler da 1997.

As três têm em comum uma coisa: a gente vê todo o dorama da perspectiva da memória dos amigos, ou do casal protagonista, a história tem cronologia decrescente também. Nossa missão como telespectadores é descobrir, antes de chegar ao final, quem é que a mocinha escolheu para casar, ou seja, o roteiro tenta enganar a gente desde o começo.

Reply 1997

Sun Shi Won é a mocinha, ela e mais cinco amigos estão em um jantar de reunião escolar em Seul e começam a relembrar a época do ensino médio em Busan, quando toda a trama se desenrola. Nesta reunião ela já está casada, mas não tem como saber com quem.
Começamos a acompanhar a vida dos amigos e suas relações na escola até chegarem na vida adulta, com conflitos comuns aos anos 90 - que é a melhor parte da produção, incluindo roupas, bandas de sucesso e demais eventos que jovens curtiam nesta década.
Para quem foi fã dos Backstreet Boys, N'sync, 5ive, Spice girls e etc, vai adorar se identificar com a Shi Won e sua amiga Moo Yoo Jung que são fãs assíduas de dois grupos de Kpop e fazem loucuras por eles. 
A protagonista se relaciona com Yoon Yoon Jae e Yoon Tae Woong, dois irmãos e seus vizinhos, que são filhos do casal que eram os  melhores amigos de seus pais, da qual eles se consideram família. Shi Won e Yoon Jae são melhores amigos desde pequenos, e estão sempre juntos. Para completar o grupo, há três amigos do Yoon Jae, Joon Hee o mais fofo deles, Hak Chan o tímido e mais safado dos amigos e Sung Jae o mais tagarela.

Reply 1997 | (Imagem de divulgação)
A Shi Won é bem louca, para quem quer dar risadas esta é a melhor forma de começar. Qual deles foi o escolhido dela para casar? Como tudo aconteceu? Só tem como descobrir vendo os 16 capítulos.

Reply 1994

A segunda temporada não tem nada a ver com a primeira, os únicos personagens que se mantém são os pais da protagonista, que também são os mesmos da terceira, mas com personalidades completamente diferentes.
Em Reply 1994 a faixa de idade muda um pouco, todo o grupo de amigos vai relembrar o tempo da faculdade, que foi como eles se conheceram
A cena inicial traz uma reunião dos sete amigos na casa da Sun Na Jung e do seu marido, que não sabemos quem é, relembrando quando todos moraram juntos na pensão da casa dos pais da Na Jung porque frequentavam a mesma universidade em Seul.
Aqui é importante dizer que nenhum dos mocinhos têm seu nome revelado inicialmente, e são chamados pelo apelido, porque a Na Jung chama o marido pelo nome nesta reunião que acontece em 2013.
A Na Jung faz faculdade de engenharia de computação com mais três amigos que moram na pensão, o Samcheonpo um estudante que veio do interior e tem cara de muito mais velho do que aparenta ser, o Haitai que também vem do interior mas odeia este fato e está toda hora tentando se integrar para se parecer com alguém de Seul e a Jo Yoon-Ji uma mocinha baixinha, com cara de poucos amigos que é super fã de um grupo de Kpop. Para completar a turma há dois estudantes de medicina o Sseureki, que é Lixo em coreano (porque ele realmente não se importa com limpeza), e que conhece a Na Jung desde pequena sendo chamado de irmão mais velho pelos pais e por ela e que também é veterano do Binggeure que entrou em Medicina e não sabe se quer seguir com o curso, ele é primo do Chillbong um promissor jogador de beisebol da universidade e a celebridade dos amigos.
Reply 1994 | (Imagem de divulgação)
A história do Reply 1994 é bem mais interessante do ponto de vista histórico da Coreia do Sul, os roteiristas põem fatos importantes que aconteceram na década de 90 e que fez parte da vida dos personagens, como a crise que deixou pessoas desempregadas e que foi difícil para ajudar os jovens a entrar no mercado de trabalho, um acidente grande em um shopping que deixou dezenas de feridos e mostra, de forma muito sensata, como cada um deles lidou com a transição para fase adulta.

Tanto o Reply 1997 e o 1994 a gente acaba desconfiando de quem fica com a mocinha lá pelo meio da temporada, mas vale assistir até o último capítulo, porque embora tenha um casal protagonista, a gente sempre quer saber que fim levou cada um dos amigos. São 21 capítulos, sendo que o último bateu recorde de audiência na tv paga coreana.

Reply 1988

Esta temporada eu acabei recentemente e confesso que me doeu o coração quando acabou, e das 3 versões, se tornou a minha favorita.
Diferente das duas primeiras, Reply 1988 conta uma história muito linda sobre amizade, e não só foca nos cinco amigos de infância, como na relação entre os pais que são todos vizinhos.
Este resumo é algo bem difícil de ser feito, porque achei o roteiro muito rico, mas é basicamente assim: Sung Duk Seon é casada com um dos seus quatro amigos de infância, e obviamente, não sabemos quem ele é.
Diferente das outras duas versões, os atores que fazem os personagens mais velhos são outros, porque é contado no ano de 2015/2016, quando eles  já estão com mais de 40 anos de idade, e isso dificulta saber quem é o mocinho.
Os amigos são: Sung Sun Woo o mais bonzinho, inteligente e atencioso deles; Choi Taek o incrível jogador de Baduk, e inocente para todas as outras coisas do mundo; Dong Ryoung esperto para as coisas do mundo e leigo quando o assunto é estudar e Jung Hwan tão inteligente quanto o Sun Woo, mas que é mal-humorado e reclama o tempo todo.

Duk Seon tem dois irmãos, a Bo Ra com quem está sempre brigando de tapas e que é a mais velha e mais inteligente do bairro, estudante da Universidade de Seul e No Eul o caçula e que é tão lento quando Duk Seon na escola. Há mais núcleos com personagens que completam as famílias dos amigos, cada capítulo tem quase 2 horas, mas você não consegue parar de assistir.
Vemos problemas deles como adolescentes, dos pais em relação a casamento, idade, desemprego, saúde e como todos se ajudam de forma simples e verdadeira na série toda.
Reply 1988 | (Imagem de divulgação)
Foi muito difícil descobrir quem é o marido da Duk Seon, eu tive que esperar o penúltimo capítulo! Você torce toda hora por alguém, daí a história te desilude, e então quando você sabe quem é fica feliz e triste - sabendo que qualquer um dos amigos seria alguém muito legal para ela.

A produção é muito rica, desde o figurino, trilha sonora, notícias sobre diferentes acontecimentos no mundo e mostra uma noção de amizade maravilhosa. O único ponto ruim da série, para não ser a minha preferida acima de todas, é que o último capítulo deixou muitas arestas e pareceu fim de novela da Globo. Mas, em 20 capítulos, garanto que 19 vão fazer você amar! É para ver junto com a família essa.

A lição mais bonita de Reply 1988 é quando eles dizem que embora os pais queiram que a gente trilhe o caminho dos estudos e de boas profissões, se eles confiarem nos filhos que têm, todos vão sempre encontrar sua devida trilha.

Quem assistir ou já assistiu me conta depois o que achou nos comentários! Era para ter postado antes para vocês fazerem maratona no carnaval, mas acho que ver aos poucos é tão bom quanto.

Aproveita e segue @vsusaki que de quando em quando nos stories eu mostro os doramas que estou vendo.

20 comentários:

  1. Nunca assisti uma série nesse estilo, mas essa parece ser ótima. Fiquei bem curiosa para conhecer!

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenta Kaila! Tem as duas primeiras no Netflix, é bem diferente das tramas americanas, mais leve e engraçada

      Excluir
  2. Eu nuca tinha ouvido falar dessa série por não ser muito meu estilo e tls, mas parece que fez sucesso, e vale a pena arriscar.

    https://www.dosedeestrela.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As séries asiáticas não deixam nada a perder em relação às ocidentais, acho que as coisas são mais sutis e tem de vários tipos e assuntos, de repente, tem alguma que seja seu estilo

      Excluir
  3. Ainda não vi esse tipo de série, e eu arrumei o post lá no blog.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Experimenta Lulu, você que gosta de teatro tem a cabeça mais aberta, vai adorar!

      Excluir
  4. Eu gosto deste tipo de série, achei bem interessante a trama, vou tentar ver.
    Charme-se

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenta sim! As duas primeiras estão facinhas ali no Netflix

      Excluir
  5. Respostas
    1. A trama é ótima, diferente do que vemos com séries americanas, mas você quer ver um atrás do outro, pq quer saber o que vai acontecer

      Excluir
  6. Nunca vimos nenhuma por acaso.

    Beijinhos :D

    http://damselme.blogspot.com/?m=0

    ResponderExcluir
  7. Vân, nunca assisti, ainda não me animei em assistis doramas kkkkkkkkk. Mas quem sabe dou uma chance, né? Vai que... kkkkkkk.

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pathy tem que começar um para saber se vai gostar, tem uns que são ruins mesmo, assim como qualquer série americana. Mas, se for nessas que eu indico, você vai sabendo o que esperar. Tenta e depois me fala

      Excluir
  8. Nunca assisti dorama, não sei se gostaria ou não, mas acho que é falta de costume mesmo porque achei bem bacana a história e o que você disse sobre.
    Bem legal! :)

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho amigas que não tinham visto antes, e hoje veem muito mais doramas que séries comuns. O mais seguro é ler essas resenhas antes para saber onde está pisando hahaha

      Excluir
  9. nunca assisti dorama, mas confesso que é algo que nunca me chamou a minha atenção, quem sabe um dia não assisto :)

    Folhas De Netuno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não chama porque aqui ainda é pouco conhecido, mas com o Netflix tem mais chance das pessoas tentarem algo novo.

      Excluir
  10. So different but that makes it so interesting!

    www.fashionradi.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. I don't know if American Netflix have Reply 1997 and 1994, but doramas are very good! You should try

      Excluir

Deixe seu comentário, e obrigada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...