Slide

Como montar uma mala de viagem prática



No mês de julho muitas pessoas entram em férias e uma das principais preocupações é fazer a bendita mala. Como fazer caber roupas, sapatos e acessórios para viagens mais longas? A resposta para essa dificuldade está justamente em saber escolher peças-chave, não querer levar todas as roupas que tem no armário e, principalmente, fazer um bom planejamento.


Para nos ajudar nesse post mais completo, convidei a Cris & Dete organizers, para nos ensinar a fazer uma mala, e de quebra, ajudei a montar looks com peças-chave para mostrar que não é difícil. Usamos a mala da Vivian que vai para uma viagem à Europa em um clima, que agora é de quente a temperado, por um período de 15 dias.


Primeiro passo? Definir o destino da viagem, duração (dias, semanas, meses), clima (quente, frio, chuvoso etc.) e saber mais ou menos a intenção da mesma, se será de lazer (passeios, restaurantes, baladas, festas) ou à trabalho. Definido isso, a escolha dos calçados, roupas e acessórios deve ser feita em cima desse roteiro inicial.
Mala de rodinhas escolhida, primeira etapa: vazia

A escolha da mala também é importante, se for viajar de carro a mala nem sempre precisa de rodinhas. Mas, se a viagem será de ônibus, trem ou avião é bom ter facilidade para carregá-la, por isso, alças e rodinhas mais reforçadas.


Para começar a montar a mala vazia a Cris disse que devemos iniciar pelos calçados, eu duvidei no começo que ia caber roupa na mala depois que ela colocou os pares que a Vivian ia usar (todos dentro de saquinhos de TNT, deitados como nas caixas em que são vendidos). Porém, conforme ela foi fazendo as camadas, a mágica foi acontecendo. O erro mais comum é dobrar demais as roupas, quando na verdade, quanto menos a gente dobrar mais espaço teremos e menos amassadas elas ficarão, só acreditei vendo, rs.
Primeira camada: calçados dentro de saquinhos de TNT com visor


A segunda camada é a de roupas, começando pelas partes inferiores do look, como calças e shorts. As roupas são colocadas ‘de comprido’ e dobradas o mínimo possível, só para serem ajeitadas no comprimento da mala. A terceira camada para o calor inclui vestidos e saias, para uma mala de frio é onde entram os casacos, blazers e paletós. Depois, entram as blusinhas, camisas, camisetas, mas daí tem que ver o espaço que sobra, assim, elas podem ir dobradas de ‘de comprido’, ou em rolinhos. Os vãos livres vão acomodar as roupas íntimas, meias e acessórios como cintos, saquinhos com bijuterias, carregadores de celulares etc.
Começam as camadas de roupas


As camadas funcionam porque formam superfícies planas, o que além de fazer menos volume, evita que na movimentação da mala o conteúdo fique se mexendo e jogando as roupas e acessórios de um lado para o outro. Em malas que têm compartimento na tampa, podemos colocar as bolsas e lenços.


Para facilitar a escolha das roupas é importante que, além do seu estilo, se pense em peças que combinadas a outras formem mais do que apenas um look, que é outro erro comum. Uma camisa, short ou regata formam inúmeras possibilidades, foque nisso. Vejam os looks que montei para Vivian, fiz um look de praia, looks para o dia e para a noite, sempre repetindo peças. Acho que é uma ótima dica e exercício para fazer quando a gente pensa que não tem nenhuma roupa no armário, porque mostra o quanto pode sair de coisas batidas, como um simples shorts jeans, ou uma camisa branca, por exemplo.
Montei um look de praia simples, mas funcional

Camisa rosa com detalhes de paetês: look da esquerda para passear, almoçar. Look da direita serve de dia e de noite, com estampa phyton ganha  mais elegância.
Look da esquerda: balada na certa, ou um jantar em um barzinho e lugares mais animados. O look da direita aproveita a camisa para o dia e pode ser usado de noite, para diferentes ocasiões.
Look da esquerda: mais despojado é bom para quem vai passear mais a pé e aproveitar a cidade durante um maior período fora do hotel. No look ao lado, o tênis ajuda quem for caminhar bastante e até viajar para cidades vizinhas em algum bate e volta.


Gostaram do post? Quem quiser saber mais sobre arrumação de malas, guarda-roupas e até comprar os saquinhos de TNT pode acessar o site da organizers. Se quiserem dicas de quando em quando, elas também têm Facebook. E, para ter um manual sempre com vocês há o livro “Chega de bagunça”, vendido nas melhores livrarias.

Fiquem de olho na página do Zíper Chique que vou colocar a lista e dicas das organizers em fotos, para ficar mais fácil de compartilhar. ;)

1 comentários:

  1. Olá! Parabéns pelo blog! E adorei suas dicas! De tanto viajar e fazer muitas malas, resolvi também fazer um vídeo de como montar malas compactas e inteligentes. Beijos!
    Este é o vídeo (Parte 1 - http://www.youtube.com/watch?v=i_zmrWKRXGI e Parte 2 http://www.youtube.com/watch?v=b2pP1ZrOX40)

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...